"Os bons ideais aproximam as pessoas que olham o mundo não apenas para si, mas para todos"

1 de abril de 2012

ILHAS VERDES- GUARULHOS





A vegetação no Córrego dos Cavalos, na avenida Tiradentes, faz parte do Projeto Ilhas Verdes-
Foto Fonte:  Internet
  

Após dois anos de implantação do programa Ilhas Verdes, Guarulhos (Grande São Paulo) já plantou cerca de 30 mil árvores para reduzir as ilhas de calor urbanas na cidade. Com o plantio de árvores e a proteção e recuperação das florestas, o programa visa equilibrar as condições climáticas, com foco em locais de grande incidência de calor.

Regulamentada por legislação municipal em agosto de 2009, a iniciativa foi reconhecida como exemplo de política pública de combate ao aquecimento global pela UNESCO, que publicou um artigo sobre a o programa em sua revista internacional veiculada na América Latina, na Espanha e no Chile.

O programa Ilhas Verdes surgiu de uma pesquisa sobre os mapas termais do município, identificados via satélite pela UnG (Universidade Guarulhos), com patrocínio da Fapesp (Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo) e apoio da Secretaria de Meio Ambiente de Guarulhos e da Reserva da Biosfera do Cinturão Verde.

Segundo o diretor da Secretaria Municipal de Meio Ambiente, Fábio Vieira, as Ilhas Verdes está se consolidando como exemplo de experiência ambiental bem-sucedida no cenário mundial. Estudos indicam que a elevação da temperatura deve-se ao avanço da urbanização, ao assoreamento dos rios e ao aumento do número de indústrias. Todas estas características aparecem em Guarulhos, a segunda maior economia do Estado, com um importante parque industrial, e localizada ao lado da Capital São Paulo.
Fonte: Pra Melhor Ambiental

http://www.pramelhor.com.br/  



Postar um comentário